_Bits with anxiety disorder

About RSS
Aug 31, 2010 | #Experimente o KDE #Notícias #junior-jobs #kde #openhatch

OpenHatch: facilitando os primeiros passos.

 

[caption id="" align="aligncenter" width="500" caption="Baby (foto do flickr da gabi_menashe)"]Baby[/caption]

 

Este é o post de um convidado, o Asheesh Laroia do OpenHatch, um "engenheiro envolvido com open source". OpenHatch é um website e um projeto em andamento para ajudar novos contribuidores a acharem o seu lugar em projetos de software livre. Há poucos meses atrás, ele importou alguns bugs do KDE bug tracker para o pesquisador de oportunidades para voluntários da OpenHatch. Eu o convidei para escrever sobre isso no meu blog. O OpenHatch também tem o seu próprio blog.)

O KDE está fazendo algo maravilhoso com Junior Jobs. Estes são pequenos bugs (muitas vezes pequenos recursos a serem implementados) que são apropriados para um novo contribuidor tentar fazer. Quando mantenedores criam estas oportunidade, eles levam uma informação que de outra maneira ficaria apenas na cabeça deles - quão fácil ou difícil um problema é - a tornam isso disponível como uma sugestão para novos contribuidores. Convenientemente, criar um "Junior Job" não traz nenhum trabalho em adicional: os mantenedores apenas tem que encontrar o bug relevante no Bugzilla do KDE e adicionar a palavra chave  junior-jobs.

Mas o KDE Bugzilla não é tão amigável. Provavelmente a leitura deste post pode lembrar uma época em que o Bugzilla parecia uma ferramenta difícil de usar. Bugzilla funciona bem (o suficiente), como interface para os mantenedores do projeto para compartilhar o status do seu  trabalho com os outros.

Mas imagine que você é um contribuinte em potencial.  Acesse a lista do Junior Jobs . (Para obter esse link, eu fui para o KDE Bugzilla e cliquei em "Junior Jobs", no lado esquerdo.) Isto é o que eu visializei enquanto escrevia este post:

junior-jobs

Aqui estão algumas questões que eu poderia levantar como novo colaborador (e alguns comentários como eu mesmo):

  • O que "wis" e "UNCO" significam?
  • Quem é JJ? (Talvez seja as iniciais de uma pessoa, talvez ele ou ela pretendam corrigir isso.)
  • Em quais projetos esses erros estão? (Eu posso adivinhar ...)
  • Onde posso obter o código fonte? (A resposta errada pode levar o contribuinte a apresentar um novo patch não aplicável para a versão mais recente.).
  • Se eu começar a fazer isso, quem pode me ajudar quando eu tiver dúvidas e não souber mais o que fazer? (Um novo colaborador pode até fazer um esforço, e mesmo assim pode se confundir com algo e desistir.)

Eu gosto de brincar que bug trackers dizem um monte de informação sobre o que é o problema, mas não explicam como resolvê-lo. Nós na OpenHatch anunciamos um grande número de projetos que estão em uma situação similar: eles anunciam  os bugs como "fácil", "bitesize", "junior" e direcionam os novos contribuidores direto para o bug tracker. Então, nós criamos o que chamamos de pesquisador de oportunidades para voluntários para ajudar as pessoas a encontrarem algo onde trabalhar. O programa baixa as entradas dos rastreadores de bugs, essas entradas representam centenas de projetos. (Como o OpenHatch é um software livre, também importamos os bugs do tipo "fáceis" do nosso próprio rastreador.)

Quando você olha as entradas no programa, você pode clicar no nome do projeto e ver detalhes na página da OpenHatch (nós fizemos uma para cada projeto em que alguém diz ter contribuído ou de onde nós importamos os bugs). As páginas listam as pessoas que se colocam a disposição como mentores. Contribuidores também podem escrever instruções ou sugestões de com se envolver, por exemplo, a página do Gally fez um grande trabalho respondendo "Além de escrever código, como posso contribuir?"

Se você não sabe como começar, você também pode procurar oportunidades pesquisando por linguagens de programação, pelo tipo de ajuda que você quer dar (como escrever documentação) ou apenas procurar nas páginas por algum projeto que você queira trabalhar. Você pode restringir a pesquisa a apenas aqueles que chamamos de "bitesize" ("Junior Jobs" no KDE, bugs chamados de "fácil" na linguagem de programação Python, e assim por diante).

Então OpenHatch é um projeto para pensar como as pessoas podem participar de comunidades de software livre e de construir instrumentos técnicos e estruturas sociais para fazer isso da melhor maneira. Esta ferramenta é uma coisa que nós construímos. É um projeto da comunidade, e você pode ajudar também! Dê um "oi" no IRC ou por e-mail se você quiser juntar-se a nós.

Eu gostaria de ouvir (nos comentários deste post): O que você acha sobre o nosso "pesquisador de oportunidades para voluntários"? O que você acha que funciona nessa ferramenta? O que você mudaria?

Se a Lydia me convidar para escrever novamente, vou falar sobre conseguir mais não-codificadores envolvidos no software livre. Durante o fim de semana eu conheci Lydia e Jeff do Amarok, eu tive uma idéia louca de algo que você pode construir em cima do OpenHatch. Se você quiser manter contato, entre no nosso canal de IRC ou Identi.ca / Twitter / RSS!

......................................................................................................................

Esse texto é uma tradução do post  OpenHatch: Making the first step easier do blog da Lydia, uma das colaboradoras do KDE e uma simpatia em pessoa. Thank you Lydia!
Logo, se encontrarem algum erro na tradução, por favor, me avisem.